2017/08/17

Panorama da fotografia contemporânea é tema da 11ª SP-Arte/Foto

Panorama da fotografia contemporânea é tema da 11ª SP-Arte/Foto
Debates, lançamentos de fotolivros e visitas guiadas àqueles que desejam conhecer a linguagem a fundo fazem parte da programação

Exiba imagens para confirmar leitura
SP-Arte/Foto/2016 | Foto: Jéssica Mangaba
A 11ª SP-Arte/Foto, que ocorre no JK Iguatemi de 24 a 27 de agosto, com um preview no dia 23, reúne em um só local as principais galerias do país ligadas ao fazer fotográfico, com obras de alguns dos mais importantes artistas da contemporaneidade brasileira e mundial. O evento pretende ainda ampliar o conhecimento daqueles que se interessam pela linguagem.

A edição deste ano da Feira promove uma ampla programação, que contempla uma série de palestras com curadores e especialistas para o debate das perspectivas da fotografia contemporânea no Brasil e no mundo e abriga o lançamento de 20 livros voltados à fotografia.

Visitas guiadas
Pela primeira vez e gratuitamente, a SP-Arte/Foto oferece ao público visitas guiadas com os temas fotografia moderna, contemporânea, documental e fotojornalismo, fotografia expandida e a cidade e a arquitetura na fotografia. Estreitar os laços entre os trabalhos expostos e os visitantes do evento, com foco final em formar público apreciador de fotografia, move a iniciativa, oferecida pela Vivo.

Os seis circuitos se alternarão em nove visitas diárias, com partidas a cada 30 minutos, sempre das 14h30 às 18h30. Para participar, os interessados deverão se inscrever no balcão de visitas guiadas (2o piso da Feira).

A programação com todos os circuitos e horários pode ser conferida no site: http://www.sp-arte.com/foto/programacao/visitas-guiadas/2017/

Talks
Realizada neste ano com patrocínio da Fundação Marcos Amaro, a 4ª edição do Talks ocorre nos dias 24 e 25 de agosto, das 16h30 às 18h30, no Lounge One do JK Iguatemi. As inscrições são gratuitas e o público deve chegar com 30 minutos de antecedência para a retirada de senha. As vagas são limitadas e haverá tradução simultânea do inglês para o português.

Na quinta-feira, 24, Fernanda Feitosa, colecionadora, fundadora e diretora da SP-Arte/Foto, conversa com Artur Walther, colecionador e fundador do The Walther Collection, museu dedicado à promoção da fotografia, com unidades em Neu-Ulm, na Alemanha, e em Nova York, nos Estados Unidos. A perspectiva antropológica da fotografia e a motivação em tornar pública uma coleção particular são alguns dos pontos que serão abordados durante a conversa.

No mesmo dia, a jornalista e crítica de fotografia Simonetta Persichetti conversa sobre os desafios da cena contemporânea com Michael Famighetti, editor da Aperture, revista americana especializada em foto, fundada em 1952.

Na sexta, 25, Paulo Miyada, curador do Instituto Tomie Ohtake, guia um bate-papo com Simon Baker, curador de fotografia da Tate, de Londres. Chefe do departamento de fotografia do museu desde 2009, quando foi criado, Baker é também responsável pela estratégia de expansão do acervo de fotografia da instituição. Na SP-Arte/Foto, comenta o seu papel enquanto curador de um dos centros de arte mais importantes no mundo e reflete sobre a função dos museus na atualidade.

Lançamentos

A 11ª edição da SP-Arte/Foto conta ainda com lançamentos coletivos e assinaturas de fotolivros, a maior parte deles concentrados no espaço da Editora Madalena. Os lançamentos e as sessões de autógrafos se dividem entre os dias 25 e 26 de agosto, no espaço da Feira, no shopping JK Iguatemi.

Entre os destaques, estão os ensaios Linha vermelha, de Inês Bonduki, fotógrafa que articula dois ensaios fotográficos de realidades aparentemente distantes, destacando a proximidade dos corpos neste trabalho; Serra da Ermida 357, de Daniela de Moraes, que aborda questões sobre vida e morte, tragicidade e afetividade, em um projeto que se desdobra em uma trilogia formatada em livro; e Marrocos, registro documental de uma das maiores ocupações sem-teto de São Paulo, realizado pelos fotógrafos Gabi Di Bella e 
Gui Christ, do coletivo Gringo, ao longo de 2016. Estão também previstos os títulos Missão Francesa, de André Penteado; Farsa Truque Ilusões, de Joaquim Paiva; e Ilha do Ferro, de Celso Brandão.

Paralelamente à Feira, a Galeria Luciana Brito lança Sobras, de Geraldo de Barros, que traz um tributo histórico à trajetória do artista e, ainda, um registro de sua última série fotográfica (dia 25, às 11h, na própria galeria). No JK, no estande da Dan Galeria, o fotógrafo Christian Cravo autografa seu livro recém-lançado, Luz e Sombra, que retrata uma África monumental, resultado de uma imersão do artista por sete países africanos ao longo dos últimos anos (dia 26, às 18h).

Programação pela cidade
Pela primeira vez, o evento firma parcerias com galerias, instituições culturais e ateliês e abraça a programação paralela voltada à celebração da fotografia – fio condutor da movimentação cultural da cidade entre os dias 17 e 27 de agosto.
Confira destaques da programação:

Escambo de fotolivros + Livrotecagem
No dia 22, terça-feira, a galeria Vermelho promove uma atividade, realizada pela SP-Arte, que combinará o escambo de livros de fotografias e uma livrotecagem – projeto idealizado e organizado por Denise Gadelha – que ganha forma em uma projeção de vídeo concebida a partir de uma espécie de mixtape de fotolivros e músicas previamente selecionados por fotógrafos, artistas e entusiastas da fotografia. Quanto ao escambo, basta levar um fotolivro para passar adiante e trocar por uma das opções disponíveis no local, numa grande mesa. A publicação deve ser necessariamente ligada à fotografia e estar em bom estado. Cada livro levado dará direito a uma unidade na troca. A SP-Arte vai disponibilizar alguns fotolivros, inclusive os que restarem na mesa do escambo serão doados à Biblioteca Mário de Andrade, em São Paulo.

Aberturas
Nos dias que antecedem a Feira, galerias e centros culturais inauguram exposições de fotografia. Entre elas, Poder e sufocamento, parte da coleção da Fundação Marcos Amaro, no Museu da Imagem e do Som (dia 15); Breu, do fotógrafo japonês radicado na Bahia Hirosuke Kitamura, na DOC Galeria (dia 18, às 19h30); Campos de Altitude, de Kitty Paranaguá, na Janaina Torres Galeria (dia 22, às 19h); e Plethora, de Julio Bittencourt, na Galeria Lume (dia 22, às 19h).

Circuito de ateliês
Nino Cais, Marcelo Amorim, Carla Chaim, Julia Kater, Ding Musa e Ivan Padovani abrem seus ateliês para o público em meio à programação da SP-Arte/Foto/2017, em um circuito que integra quatro espaços artísticos. No dia 26 de agosto, sábado, os artistas recebem entusiastas da arte em seus postos de criação, todos na Vila Madalena, o que inclusive possibilita um agradável passeio a pé. Os artistas se dividem entre os ateliês coletivos Fonte, SAO, Fidalga e Hermes, cujas portas estarão abertas ao público das 17h às 21h.

Visitas guiadas
Com o intuito de movimentar ainda mais o universo em torno da fotografia na cidade de São Paulo, algumas das galerias que participam da SP-Arte/Foto/2017 realizam em seus espaços visitas guiadas às exposições que abrigam, com artistas e curadores. Na Mario Cohen Galeria, por exemplo, ocorre uma visita à mostra Norman Parkinson – O verdadeiro glamour britânico (dia 22, às 19h). Já o fotógrafo Julio Bittencourt guia o público por Plethora, sua mostra individual na Galeria Lume (dia 26, às 11h).

Estúdio Madalena
Em parceria com a SP-Arte, o Estúdio Madalena promove, no dia 24, uma conversa com Simon Baker, curador de fotografia da Tate que também palestra no Talks, no Lounge One do JK Iguatemi, no dia seguinte. Com vagas limitadas, as inscrições para a conversa no centro de estudos da editora deve ser feita com antecedência, pelo e-mail contato@madalenacei.com.br.

No dia 25, o Estúdio realiza ainda o workshop “Bússola Fotográfica: Protocolo para Plataformas Internacionais de Leitura de Portfólio”. Realizada na sede do espaço, a iniciativa integra a programação da SP-Arte/Foto/2017 e é voltada a fotógrafos com interesse em entender a fundo o mundo de leitura de portfólio dos festivais.
Ministrado por Carlos Carvalho, coordenador geral do FestFoto – Festival Internacional de Fotografia de Porto Alegre, o workshop contará ainda com apresentação de Fernanda Feitosa, diretora da SP-Arte, e participação de Eugênio Sávio, do Festival de Fotografia de Tiradentes, e Iatã Cannabrava, do Estúdio Madalena. As inscrições devem ser feitas até dia 24 de agosto, neste link, ao custo de R$ 250.

Para conferir a programação completa da SP-Arte/Foto/2017, acesse: http://www.sp-arte.com/foto/programacao/agenda/
Para fotos de divulgação, acesse o Flickr da SP-Arte.

Serviço:
SP-Arte/Foto/2017

Preview: 23 de agosto (apenas para convidados)

Aberta ao público de quinta a sábado (24, 25 e 26 de agosto), das 14h às 21h, e no domingo, 27 de agosto, das 14h às 20h
Shopping JK Iguatemi | 3º piso
Av. Presidente Juscelino Kubitschek, 2041 – Vila Olímpia, São Paulo, Brasil
TalksLocal: JK Iguatemi, Lounge One (3º piso)
Inscrição: Gratuita, com retirada de senhas 30 minutos antes do início do debate

25 de agosto, das 16h30 às 18h30
Artur Walther, colecionador e fundador da The Walther Collection, com Fernanda Feitosa
Michael Famighetti, editor da revista Aperture, com Simonetta Persichetti

26 de agosto, das 16h30 às 18h30Simon Baker, curador de fotografia da Tate, com Paulo Miyada, curador do Instituto Tomie Ohtake

Informações para a imprensa

A4&Holofote
Next
This is the most recent post.
Postagem mais antiga

0 comentários:

Postar um comentário

Cineplaneta o seu canal cultural da Rede Cineplaneta.

Copyright © 2012 Cine Planeta All Right Reserved
Designed by Oddthemes
Back To Top